MUTIRÃO DA ENERGISA

Conta de energia atrasada pode ser negociada em mutirão de conciliação

O mutirão será realizado entre os dias 11 e 15 de junho. Quem for até o local poderá negociar com condições diferenciadas e ter o acordo homologado pela Justiça na hora
09-06-2018
Fonte: Redação
Foto: Reprodução

Clientes que estão com contas de luz em atraso há mais de 60 dias e não têm parcelamento vigente podem negociar o débito com a Energisa Mato Grosso na próxima semana. A partir de segunda-feira, dia 11, a empresa e o Poder Judiciário farão um mutirão de conciliação no auditório do Fórum de Cuiabá. A expectativa da empresa é que nesses dias sejam negociados R$ 2,5 milhões.

“Temos procurado oferecer aos nossos clientes oportunidades de negociar as dívidas, considerando o momento complicado da economia e a importância de se ter energia elétrica. Esperamos que os clientes compareçam. Valerá a pena”, diz João Victor Solis Barbosa, coordenador de Recebíveis da Energisa Mato Grosso.

O mutirão será realizado entre os dias 11 e 15 de junho. Quem for até o local poderá negociar com condições diferenciadas e ter o acordo homologado pela Justiça na hora. O atendimento será por ordem de chegada, das 8 horas às 16 horas e não é demorado.

"A conciliação é um dos métodos adequados de solução dos conflitos que garante ao cidadão uma prestação jurisdicional de forma célere e justa, em que ambas as partes são beneficiadas com a economia e efetividade na resolução de suas questões", explica a gestora Judiciária do Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania da Capital, Marta Maria Rezende.

Nove bancas de negociação serão montadas com prepostos capacitados (representantes da Energisa) para dar agilidade e não deixar o cliente esperando. Por parte do Tribunal de Justiça, a equipe da Coordenação da Central de Conciliação de Cuiabá estará no local para acompanhar, dar transparência aos processos de conciliação e homologar os acordos.

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS



FINANÇAS PESSOAIS