fbpx
Mato Grosso lidera projeção econômica do país com previsão de crescimento de 4,97% no PIB em 2021

Mato Grosso lidera a projeção econômica do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil, com crescimento de 4,97% neste ano. Os dados são da Confederação Nacional da Indústria (CNI), que mostram que o agronegócio é o principal condutor desse crescimento.

Segundo a pesquisa, o Brasil avança na retomada econômica, motivada pelo aumento da vacinação contra a covid-19 e medidas que estimulam o setor financeiro. Neste cenário, Mato Grosso se destaca como o estado com maior perspectiva de crescimento.

O principal fator desta liderança é o agronegócio mato-grossense, já que o estado é o maior produtor de grãos do país. Mato Grosso deve ser o responsável por quase 30% da safra nacional de 2021.

De acordo com o economista e professor de Finanças do Ibmec DF, William Bahdassarian, essa projeção econômica também parte da aprovação de várias medidas, que foram tomadas para destravar a economia.

“Foi aprovado, por exemplo, a independência do Banco Central, que vai desacoplar a questão do ciclo político, porque senão, a cada eleição você tem o Banco Central interferindo e mexendo em taxa de juros, só para eleger a administração de plantão”, explica.

Outro ponto observado por William foi o auxílio emergencial, pago desde 2020, junto com outras ações. “Também teve uma nova lei cambial, a gente teve Pronampe. Recentemente, a Medida Provisória 1040 que, junto com a Lei de Liberdade Econômica, chamada de melhoria do ambiente de negócio, e a Lei de Falências, que vai tornar o processo de criação de empresas muito mais simplificado”, pontua.

Parlamentares do estado também avaliam o potencial mato-grossense de impulsionar a economia brasileira. O deputado federal José Medeiros (Podemos), por exemplo, destaca que o fato do setor do agro não ter parado durante a pandemia foi primordial.

“Nós tivemos prejuízo mais no setor de serviços, que foi afetado pelo fechamento dos restaurantes, por exemplo. Mas, no geral, a macroeconomia do estado cresceu praticamente como sempre cresceu”, avalia.

Leia também: Preço do milho sobe 5,76% em Mato Grosso; Sorriso registra 70% da área colhida

Tagged: , , , , , ,