Mercado de etanol de milho ganha novo investimento em Mato Grosso

A FS Bioenergia, com sede em Lucas do Rio Verde (360 quilômetros ao norte de Cuiabá), confirmou investimentos de R$ 3,2 milhões para construção de sua terceira unidade de processamento de etanol milho, desta vez, em Primavera do Leste (232 quilômetros ao sudeste da capital mato-grossense). O projeto que começa a sair do papel está previsto em duas fases de construção. A expectativa é que as operações da nova unidade tenham início em junho de 2023 e uma possível ampliação faz parte já do projeto original.

A Inpasa Bioenergia concorrente da FS Bioenergia, também tem feito investimentos em Mato Grosso em unidades de produção de etanol em milho. A empresa tem plantas produtivas em Sinop e Nova Mutum, conforme noticiado pelo Mato Grosso Econômico anteriormente aqui.

A usina em Primavera do Leste deve ter capacidade para produzir anualmente até 585 milhões de litros de etanol a partir da moagem de 1,3 milhão de toneladas de milho. Desta forma, o grupo terá uma capacidade de produção de pouco mais de 2 bilhões de litros de etanol por ano.

Conforme o CEO da companhia, Rafael Abud, a vantagem de Primavera do Leste é o acesso ao milho – parte dos grãos para a nova usina já está sendo negociada – e a proximidade com a ferrovia que a Rumo pretende construir em Mato Grosso.

Em 2019, a FS chegou a anunciar uma terceira usina em Nova Mutum (MT), mas os planos foram adiados com a chegada da pandemia de covid-19; na ocasião, a empresa optou por priorizar a expansão da planta de Sorriso (MT). Além de Nova Mutum, Querência e Campo Novo do Parecis também estão nos planos da companhia.

CLIQUE AQUI E VEJA MAIS NOTÍCIAS DE AGRONEGÓCIO E INDÚSTRIA

Tagged: , , , , ,
%d blogueiros gostam disto: