A Secretaria de Estado de Meio Ambiente(SEMA) pode autorizar o uso do chamado correntão para ser usado na abertura de áreas em Mato Grosso, desde que seja em  desmatamento legal.

Essa liberação mediante autorização foi decidida  ontem(23), em Cuiabá, numa reunião  entre entidades do setor produtivo de Mato Grosso e a Sema.

Também foram discutidos  o Programa de Regularização Ambiental (PRA), próximo passo que o produtor rural deve seguir após o preenchimento do Cadastro Ambiental Rural (CAR), definido no novo Código Florestal.

“A liberação é importante porque sem o uso do correntão ficaria inviabilizada a abertura e limpeza de áreas em algumas regiões do Estado”, explica Elso Pozzobon, vice-presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja).

Também ficou acordado que os pecuaristas não precisarão de autorização ou comunicação formal da Sema para fazer a roçada, utilizada para limpeza de áreas de pastagens para criação de animais.

.