Uso e manejo de solos frágeis é tema de capacitação da Empaer

Técnicos da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) têm a oportunidade de participar do Programa de Capacitação Interna – Solos Frágeis, que acontecerá na modalidade online entre os dias 4 e 30 de novembro. A qualificação é promovida pela Aliança SIPA – Sistemas Integrados de Produção Agropecuária, por meio do Grupo de Pesquisa e Inovação em Sistema Puros e Integrados de Produção Agropecuária (GPISI), da Universidade Federal de Rondonópolis (UFR).

No curso serão abordados temas como Agropecuária do futuro: tecnologias e tendências. Potencialidades, limitações, impactos do manejo em solos frágeis, práticas de manejo para potencialização do uso de solos frágeis: plantio direto, rotação de culturas, plantas de cobertura, manejo e conservação de solos frágeis, otimização do uso dos recursos hídricos, químicos, físicos e biológicos do solo e Sistemas Integrados de Produção Agropecuária: potencializando a primeira, a segunda e a terceira safra.

Os palestrantes são altamente qualificados e apresentam experiência em extensão rural para pequenos e médios produtores, que são: Edicarlos Damacena de Souza, engenheiro agrônomo (UFG), mestrado em Sistemas de Produção (UNESP) e doutorado em Ciência do Solo (UFRGS), Lucas Vargas Oliveira, engenheiro agrônomo (UFPel), mestre em zootecnia (UFPel) e doutor em zootecnia (UFRGS), Paulo Cardoso Vieira, engenheiro agrônomo (UFRGS) e mestre em zootecnia (UFRGS), Luis Henrique Silva Correia, engenheiro agrônomo (UFRGS) e  Amir Gil Sessim, médico veterinário (UFPel), mestre em zootecnia (UFRG), doutor em zootecnia (UFRGS).

O coordenador de Assistência Técnica e Extensão Rural da Empaer, engenheiro agrônomo e doutor em Agricultura Tropical Fabrício Ramos, destaca a importância da capacitação que faz parte do aprimoramento interno do corpo técnico. “A Empaer em conjunto com instituições colaboradoras tem planejado as capacitações dos profissionais da área finalística e esta capacitação sobre solos faz parte do Programa de Capacitação Interna, instituído internamente”.

Ele reforça a importância do uso e manejo adequado da terra, visando garantir a produtividade agropecuária e a conservação ambiental.

O diretor do Grupo de Pesquisa e Inovação em Sistema Puros e Integrados de Produção Agropecuária (GPISI), Edicarlos Damacena de Souza, frisa que os técnicos da Empaer/MT, por estarem em contato direto com o produtor, precisam dessa oportunidade para agregar conhecimento sobre um tema tão importante nos dias atuais. Portanto, é preciso aproveitar a oportunidade para atualizar o conhecimento em assuntos, que os técnicos lidam diariamente.

“Uma nova era na agricultura emergirá de um mundo pós-pandemia. A sustentabilidade dos sistemas de produção de alimentos será imperativa e obrigada a passar do desejo à realidade. A humanidade responderá ao desafio da alimentação global pós-pandemia como sempre, desde sua trajetória evolutiva, produzindo conhecimento e inovação”.

Leia também: Empaer disponibiliza mudas de capiaçu a produtores do norte de Mato Grosso

Tagged: , , , ,
%d blogueiros gostam disto: