Ao menos 92%  da produção de milho está semeada em Mato Grosso e há possibilidade de super safra

Relatório do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), apontou a estimativa de produção de milho recorde em Mato Grosso para a safra 2019/2020. Ao menos 92% das áreas estão semeadas dentro da janela considerada ideal. 

Ainda de acordo com o levantamento, os produtores aumentaram a área destinada ao plantio do cereal, o que deve impulsionar os bons preços de mercado. Estima-se uma oferta de 32,45 milhões de toneladas. 

No entanto, é preciso considerar as condições climáticas para a consolidação ou não de uma super safra em Mato Grosso. O que se deve levar em consideração é a quantidade e a frequência de chuvas nas próximas duas semanas.

Imea pontuou, ainda, que são muitas as incertezas quanto ao direcionamento do cereal. Esperava-se um grande consumo pelas empresas de etanol e pecuária, no entanto, vários fatores foram modificados, como a redução do preço do etanol, aliado às dúvidas dos pecuaristas quanto ao confinamento do estado. 

Leia mais: Mato Grosso tem quase 1 milhão de toneladas de soja esmagadas e setor deve sair da crise do coronavírus com oportunidades