Atacadistas reforçam que não faltará alimentos nos supermercados de Mato Grosso

Em tempos de pandemia, uma das preocupações da população é faltar alimentos nos supermercados. Em 2020, houve super lotação em alguns estabelecimentos nos períodos mais críticos da pandemia, gerando um comportamento social de pânico com a possível escassez de produtos nas gôndolas.

O MT Econômico alerta que por mais que estejamos passando por momentos de crise, não faltará alimentos em Mato Grosso, portanto não há necessidade de comprar produtos para estoque. 

A Associação Mato-grossense de Atacadistas e Distribuidores (AMAD) informou por meio da assessoria, que o segmento de atacado distribuidor não deixará de abastecer os comércios de bens de consumo e de primeira necessidade no Estado.

Em 2020 não houve interrupção de abastecimento, respaldado na Lei 7.783/1989, que foi reforçada pelo Decreto Presidencial 10.282/2020, que torna o atacado distribuidor atividade essencial da economia.

O atacado distribuidor de Mato Grosso é responsável pelo abastecimento de 62% do canal varejista do estado, com uma frota de aproximadamente 10 mil caminhões e carros. O setor gera mais de 40 mil empregos diretos e indiretos no Estado.

Leia mais – É fake news: Supermercados e postos de combustíveis não fecharão neste fim de semana em Cuiabá