Comércio ambulante no Centro de Cuiabá é alvo de fiscalização

Operação de combate ao comércio ambulante, no Centro de Cuiabá, foi iniciada ontem por agentes da prefeitura municipal, e visa coibir a informalidade, que segundo Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL Cuiabá) e seus associados, prejudica “sobremaneira” as vendas das lojas e consequentemente, impacta na receita das empresas.

Ainda segundo a CDL Cuiabá, a ação junto ao Poder Público objetiva o ordenamento dos ambulantes informais que tomam conta das ruas e calçadas da Capital e que tem prejudicado de forma significativa os empresários da região central.

O início da operação de combate, aos chamados ambulantes/camelôs, é uma das ações definidas durante reunião recente entre diretores da CDL Cuiabá, Associação Comercial e Empresarial de Cuiabá (ACC) e secretarias municipais de Ordem Pública e de Desenvolvimento Humano, com objetivo de se buscar uma solução para esse problema.

Mantendo trajetória de alta, cesta básica em Cuiabá bate novo recorde

“A CDL Cuiabá vem acompanhando todo esse desgaste dos empresários e dos seus colaboradores em relação aos ambulantes nas portas de seus comércios, principalmente no Centro de Cuiabá. Por isso buscamos junto ao poder público algumas ações efetivas para que de fato, se resolva essa questão”, afirmou o presidente Celio Fernandes.

São muitos os problemas envolvendo os ambulantes que têm prejudicado o comércio central, entre eles, estão a invasão de espaços e de calçadas que impedem a passagem dos clientes e da até mesmo a entrada dos mesmos nas suas lojas, prejudica a visão de produtos expostos nas vitrines, além de deixarem muita sujeira no local, como elenca a entidade.

“Essas são algumas das reclamações que temos recebido por parte dos empresários. Diante de tudo isso e do agravamento da situação, não poderíamos deixar de buscar esse apoio da Prefeitura”, disse Fernandes.

OUTROS PODERES – A CDL Cuiabá também defende que deve haver o envolvimento de outros poderes para uma solução definitiva do problema.

“Tem que se fazer um plano de ação em conjunto, envolvendo todos os poderes. O nosso papel é buscar resultados e é isso que faremos buscando junto aos demais órgãos envolvidos, uma solução efetiva no cumprimento da ordenação dos espaços públicos de Cuiabá”, finalizou o presidente da instituição.

CDL cobra ações efetivas no combate à informalidade no Centro de Cuiabá

VEJA AQUI MAIS NOTÍCIAS DE COMÉRCIO E SERVIÇOS

Tagged: , , , , , ,
%d blogueiros gostam disto: