fbpx
Etanol sobe para R$ 4,57 em Cuiabá e registra aumento de 41% apenas esse ano

O etanol e a gasolina tiveram um novo aumento em Cuiabá. No último final de semana, o Mato Grosso Econômico apurou que postos da capital já têm cobrado R$ 4,57 no litro do etanol, aumento de 41% apenas esse ano, comparando com janeiro. A gasolina subiu para R$ 6,17. No último preço, estavam R$ 4,17 e R$ 6,00 respectivamente.

Apesar do aumento parecer não muito alto, o preço do litro do etanol custava R$ 3,24 e da gasolina R$ 4,55 em janeiro de 2021, conforme dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) divulgados no início do ano. Isso significa que apenas em 2021, o etanol teve alta de 41% e a gasolina 35%, de janeiro até agosto.

A gasolina, por exemplo, já teve o preço alterado 13 vezes este ano. O repasse dos reajustes da Petrobras aos consumidores finais tem impactado o bolso dos cuiabanos e dos mato-grossenses, que nas cidades do interior também sofrem com os reajustes.

Também é preciso considerar a mistura de biocombustíveis. Quando comercializados nos postos, a gasolina contém 27% de etanol anidro e o diesel recebe 10% de biodiesel (em setembro será 12%).

Na gasolina, por exemplo, até este produto chegar ao consumidor acrescentam-se tributos federais e estaduais (em torno de 39%), custos para aquisição e mistura obrigatória de etanol anidro (15,7%), além dos custos e margens das companhias distribuidoras e dos revendedores (12,2%).

Em março desse ano, o etanol em Cuiabá tinha atingido um pico de preço no primeiro trimestre, custando R$ 4,17, conforme noticiado pelo Mato Grosso Econômico no link acima.

Apesar do preço alto do combustível em Mato Grosso, a gasolina pode ser encontrada ainda mais cara em três regiões no país. É o caso de Tocantins, na região Norte, cuja gasolina chegou a R$ 7,36. No sudeste, o Rio de Janeiro registra R$ 7,05, enquanto no Sul, o Rio Grande do Sul disponibiliza o combustível a R$ 7,18. Os dados também são da ANP e foram publicados no último sábado (21).

Leia também: Apesar de sucessivos aumentos no preço do etanol e gasolina, venda de combustível aumenta em Mato Grosso

Tagged: , , , , ,