fbpx
Implantação da Patrulha Rural

Em reunião realizada na terça (24), com o governador Pedro Taques, o vice-prefeito, Éderson Dal Molin e representantes de Sorriso discutiram Projeto Piloto da Patrulha Rural da Polícia Militar para a região. A ideia é que inicialmente o projeto seja implantado em Sorriso, Nova Ubiratã e Ipiranga do Norte, com o objetivo de melhorar a segurança no interior desses municípios. Além de discutir o projeto da Patrulha Rural, na reunião também foram apresentados os resultados da Comissão de Assuntos Fundiários.

 

Acompanharam Éderson na reunião a desembargadora Clarice Claudino da Silva, o juiz  Anderson Candiotto, o delegado Pablo Rigo, representantes do Sindicato Rural de Sorriso, Argino Bedin, Gean Bavaresco e Thiago Stefanello, o representante da Associação Matogrossense dos Produtores de Algodão (AMPA), Décio Tocantins; da Aprosoja, Welington Andrade; da FAMATO Rogério Romanine e os empresários Alencar Cela e Plínio Bergamaschi.

 

Antes do encontro com o governador, os sorrisenses participaram de uma reunião técnica com o secretário de Segurança de Estado, Mauro Zaque. Na oportunidade, Éderson agradeceu Zaque por autorizar a formação de 45 policias militares em Sorriso.

 

Zaque também afirmou que estará em Sorriso no próximo dia 04 de dezembro. Nessa data, antecipou o vice-prefeito, será discutida a implantação da Patrulha Rural, o aumento do efetivo para a Polícia Civil, questões de estrutura para a inteligência policial, a implantação do Centro Integrado de Operações Aéreas (CIOPAER), que deverá ser instalado em Sorriso no próximo ano. Éderson solicitou ao secretário de Estado que avalie a possibilidade de deixar por alguns dias do mês um helicóptero para atender Sorriso e região.