fbpx
Plataforma aponta crescimento de 1% na safra 2019/2020 de soja

Safra 2019/2020 de soja teve aumento de pouco mais de 4,5 hectares em todo o estado. Número corresponde ao crescimento de 1% em comparativo com a safra anterior. Dados constam em plataforma da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), denominada SojaMaps

Ferramenta faz mapeamento das áreas de soja do estado com técnicas de sensoriamento remoto em nuvem. Tapurah, Querência, Diamantino e Nova Ubiratã tiveram aumento gradativo da área de plantação e são os que hoje registram maior cultivo. 

Região Norte se destaca pelo cultivo de 6,8 milhões de hectares, seguida pela região Nordeste, com 1,8 milhões de hectares e Sudeste, com 1,5 milhões de hectares. 

As plantações de soja também aparecem em maior incidência no Cerrado, com 6,3 milhões de hectares, na Amazônia com 4,3 milhões de hectares. No Pantanal chega a pouco mais de 4,7 milhões de hectares. 

A plataforma é um projeto de extensão e de pesquisa do laboratório de Geotecnologia Aplicada em Agricultura e Floresta (GAAF), do câmpus da Unemat de Sinop, ligado ao curso de Geografia. Mapeamento pode ser visto pelo http://pesquisa.unemat.br/gaaf/sojamaps/

Leia mais: Acrismat Defende a retomada das atividades econômicas em Mato Grosso