fbpx
Vendas de veículos seguem aquecidas e acumulam alta anual de 23,8% em Mato Grosso

Mato Grosso acumula alta de 23,88% sobre as vendas de veículos zero quilômetro na comparação entre os oito primeiros meses de 2021 ante igual intervalo do ano passado. Conforme dados atualizados pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) de janeiro a agosto os concessionários mato-grossenses comercializaram 64.974 unidades contra 52.162 em 2020. Fazem parte da pesquisa mensal da entidade vendas dos segmentos de auto, comercial leve, caminhão, ônibus, moto, implementos rodoviários e outros.

A expansão registrada no Estado está em linha com o crescimento observado na média nacional, que segundo a Fenabrave, “mantêm a trajetória de recuperação em relação a 2020, com alta de 27,83% sobre os oito primeiros meses do ano passado”.

Das mais de 64 mil unidades comercializadas e emplacadas no Estado, 46,42% são de modelos pertencentes ao segmento de auto e comerciais leves, o que totaliza, em oito meses, 30.162 veículos. As motos são o segundo setor de maior peso nas vendas de zero quilômetro, respondem por 36,42% do total e somam até aqui 23.666 unidades em 2021.

Agosto registrou a comercialização de 8.446 unidades, volume 3,09% acima do contabilizado em igual momento do ano passado, quando o período finalizava com a venda de 8.193 modelos. Já na comparação com julho, na análise mensal, há queda de 9,04% em agosto, já que o mês anterior teve o melhor saldo do ano em vendas: 9.285 unidades.

No País, os emplacamentos de veículos em agosto tiveram retração de 4,97%, na comparação com julho, em função da falta de insumos e componentes na indústria, o que impede a regularização da produção em todos os segmentos.

“O ritmo dos emplacamentos está sendo ditado pela capacidade de entrega das montadoras, que ainda sofrem com a escassez, especialmente, de semicondutores”, analisa Alarico Assumpção Júnior, Presidente da Fenabrave, que afirma que a situação deve ser normalizada em 2022.

As projeções da Fenabrave, para todo o setor em 2021, se mantêm inalteradas, na expectativa de um crescimento geral de 13,6% sobre 2020.

Leia também: Vendas de veículos aumentam 51,79% em Mato Grosso

Tagged: , , , ,