fbpx
Fórum debate em Cuiabá utilização e distribuição da energia solar

A energia solar está em pauta em Mato Grosso, com o assunto da cobrança do ICMS sobre a geração da energia renovável em evidência nos Poderes Executivo e Legislativo. Para debater o tema, Cuiabá foi escolhida para sediar o Fórum Regional de Geração Distribuída com Fontes Renováveis, nos dias 11 e 12 de agosto, no Hotel Deville Prime.

Recentemente os deputados estaduais derrubaram decisão que cobrava o ICMS da geração de energia solar no estado.

O apoio também veio do Governo de Mato Grosso, pois o secretário de Fazenda, Rogério Gallo, afirmou que continuará insistindo junto ao Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) para conseguir permissão para aplicação da isenção de ICMS sobre a energia solar.

Para entender o assunto, os temas debatidos no evento serão desse universo, como armazenamento e energia, estruturas para energia solar fotovoltaica, mercado de inversores no Brasil, Cases de sucesso na região centro oeste, Panorama atual da GD/FV no centro oeste do Brasil, entre outros sobre o setor.

De acordo com o CEO do Grupo FRG Mídias e Eventos e diretor de marketing e institucional da ABGD, Tiago Fraga, o fórum tem papel fundamental para a reunião e alinhamento de discursos de segurança política e jurídica.

“Ao representar o setor de energia renováveis, no que se diz respeito, a geração de energia elétrica, o fórum é de suma importância para um setor ainda mais forte e organizado”, disse.

O evento ocorrerá de forma híbrida, sendo possível assistir presencialmente ou online. O quarto lote presencial do evento está disponível até dia 11.

Para aqueles que desejam assistir de forma online, as inscrições também estão abertas através do quarto online, válido até a mesma data.

As inscrições, valores e maiores informações estão disponíveis diretamente no site oficial do evento.

Leia também: Plataforma da Jucemat permite abertura de empresas em poucos minutos

Tagged: , , , , , , ,