dados da sefaz

Mato Grosso deixou de arrecadar R$ 40,26 milhões nas duas primeiras semanas de maio

Em boletim anterior, especialistas detectaram uma pequena reação positiva nas vendas, em decorrência do feriado de Dia das Mães e da flexibilização de alguns setores do comércio.
Quinta-feira 21 de Maio de 2020
MT Econômico
Mato Grosso deixou de arrecadar R$ 40,26 milhões nas duas primeiras semanas de maio

Mato Grosso deixou de arrecadar R$ 40,26 milhões nas duas primeiras semanas de maio, se comparado ao mês de abril. Queda é de 6,8%, de acordo com dados do sétimo boletim econômico semanal, divulgado pelo Governo do Estado

Se o mês de maio for comparado a março, antes do decreto que determinou as medidas de isolamento social, a queda chega aos 21%, um total de R$ 147, 33 milhões. De acordo com o secretário de Estado de Fazenda, Rogério Gallo, o que se nota é a tendência de estabilização do faturamento das empresas. 

Em boletim anterior, especialistas detectaram uma pequena reação positiva nas vendas, em decorrência do feriado de Dia das Mães e da flexibilização de alguns setores do comércio. 

De 11 a 15 de maio, queda média no faturamento diário das empresas em Mato Grosso chegou a 14%, com faturamento médio de R$ 1,1 bilhão. No período anterior à pandemia, faturamento médio chegava aos R$ 1,2 bilhão.

Ainda no mesmo período, boletim apontou quedas de 19% no setor agropecuário, 15% no comércio e 1% na indústria.

Boletim é semanalmente elaborado pela Secretaria de Estado de Fazenda e analisa os impactos do novo coronavírus desde o dia 16 de março. Estudo considera informações extraídas dos sistemas da Pasta, com base nos documentos fiscais eletrônicos emitidos diariamente. 

Leia mais: Mato Grosso registra 24,7 mil pedidos de seguro-desemprego durante a pandemia


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS