Economia local

Comerciantes de Cuiabá projetam boas vendas no Black Friday e Natal

Em outubro, o índice de confiança empresarial daqueles que atuam no comércio de Cuiabá melhorou em 8,2% em relação ao mês anterior e chegou 120,1 pontos
Terça-feira 27 de Outubro de 2020
Redação
Comerciantes de Cuiabá projetam boas vendas no Black Friday e Natal

Os empresários de Cuiabá estão com expectativas positivas para o final do ano, que deve aquecer o comércio da capital. Já faz um tempo que as medidas restritivas de circulação de pessoas foram flexibilizadas pelo poder público em Mato Grosso e em todo o país. Já é visível o comércio de rua e shoppings com movimentação de pessoas em compras movimentando a economia e contribuindo para a manutenção dos empregos.

Vale lembrar que estamos nos aproximando da Black Friday, promoção mundialmente conhecida e realizada no mês de novembro, além do Natal, que aquece as vendas principalmente em dezembro.

Em outubro, o índice de confiança empresarial daqueles que atuam no comércio de Cuiabá melhorou em 8,2% em relação ao mês anterior e chegou 120,1 pontos. O Índice de Confiança do Empresário do Comércio (Icec), apurado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e divulgado pela Fecomércio-MT, segue em ritmo de recuperação – a quarta consecutiva – após registrar o pior resultado da pesquisa em junho, quando somou 73,9 pontos.

Indicadores da pesquisa

O componente referente às condições atuais apresentou alta de 16,9% e chegou a 88,9 pontos. O indicador, contudo, ainda está 16,3% atrás do nível verificado em outubro de 2019, que registrava nível satisfatório no mesmo período do ano passado, com 106,2 pontos.

Para o subíndice que avalia a expectativa empresarial do comércio, o crescimento mensal foi de 5,9%, com 161 pontos, se aproximando do valor registrado no mesmo período de 2019, quando anotava 168,1 pontos. Das 181 empresas entrevistadas em Cuiabá, 86,9% delas indicam boa expectativa na economia e 90,4% têm boa expectativa para o setor a curto prazo.

O subíndice que monitora o investimento das empresas apresentou crescimento de 5,1% em outubro sobre o mês anterior, alcançando 110,3 pontos, e está apenas 1,5% abaixo do registrado em outubro de 2019, quando computava 112 pontos. Especificamente em relação à contratação de funcionários, 83,2% das empresas pretendem aumentar o quadro de funcionários.

Para suprir à demanda nas vendas de fim de ano, conforme dados da CNC, Mato Grosso deve ser o 12º estado da Federação com maior número de contratação de funcionários, com 1,3 mil novas vagas. No total, a entidade estima a contratação de 70,7 mil trabalhadores temporários para atender ao aumento sazonal das vendas, um recuo de 19,7% ante os 88,0 mil postos de trabalho temporário criados no ano passado.

Leia mais: Shopping tem novos horários de funcionamento; cinema deve reabrir dia 22/10


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS