Pesquisa ABF

Mercado de Franquias no Centro-Oeste reage à pandemia e fatura mais de R$ 3 bilhões no 3º trimestre de 2020

O número de unidades foi ampliado em 8%, chegando a mais de 9760 pontos de operação na região
Sexta-feira 15 de Janeiro de 2021
Fabíola França
Mercado de Franquias no Centro-Oeste reage à pandemia e fatura mais de R$ 3 bilhões no 3º trimestre de 2020

O setor de franquias do Centro-Oeste acelerou sua trajetória de recuperação no 3º trimestre de 2020, se aproximando de níveis pré-COVID-19. Segundo a pesquisa Trimestral de Desempenho realizada pela ABF - Associação Brasileira de Franchising referente ao 3º trimestre de 2020, o mercado de franquias na região Centro-Oeste faturou mais de R$ 3,8 bilhões.

Fatores como a flexibilização das políticas de isolamento social e a consequente retomada da economia, a intensificação das vendas das redes por e-commerce e a melhora do índice de confiança do empresariado contribuíram para esse desempenho.

O mercado do Centro-Oeste aumentou 6% em número de redes, atingindo 872 marcas operando na Região. Além disso, expandiu 8% em número de pontos de venda, com um total de 9.763 unidades.

"Mesmo com todas as tribulações que tivemos nesse ano, nossa região reagiu bem e concentra inúmeras oportunidades em franquias. Esses dados demonstram, de um lado, a força e a resiliência do setor de franquias no Brasil. Somos um celeiro de opções de crescimento", destaca a diretora da regional Centro-Oeste da ABF, Claudia Vobeto.

A pesquisa da ABF aponta alguns segmentos que se destacaram no trimestre analisado frente a igual período do ano passado. Serviços e Outros Negócios alcançou variação média positiva no faturamento de 31,5%, Limpeza e Conservação 20,4% e Hotelaria e Turismo 9,3. De forma geral, a manutenção das medidas de distanciamento social, responsável pela maior permanência das famílias em casa, têm favorecido esses segmentos.

A maioria das redes do Centro Oeste atua nos mercados de Alimentação (22,9%), Saúde, Beleza e Bem-Estar (18,1%), e Moda (12,6%).

Muitos municípios da região possuem estrutura para receber grandes marcas e expandir as unidades. "O Centro-Oeste uma região com excelentes oportunidades para os diversos segmentos de franquias e é perceptível que o movimento do franchising para o interior se tornou mais intenso", conclui a diretora.

Clique aqui e veja mais notícias de Economia e Mercados


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS