INADIMPLÊNCIA

Dívidas em atraso dos moradores de Mato Grosso reduz 7,83% em setembro

Conforme os dados levantados ainda, na passagem de agosto para setembro o número de devedores do Mato Grosso caiu -0,30%. Na região Centro-Oeste
Sábado 20 de Outubro de 2018
Redação
Dívidas em atraso dos moradores de Mato Grosso reduz 7,83% em setembro
Foto: Reprodução

Um levantamento feito pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) aponta que no mês de setembro de 2018 o número de dívidas em atraso de moradores de Mato Grosso reduziu -7,83%, em relação a setembro de 2017. 

O dado ficou abaixo da média da região Centro-Oeste (-4,21%) e abaixo da média nacional (1,50%). Como em setembro de 2017 a variação no estado foi de -1,34%, houve desaceleração anual do indicador no Estado. Já na passagem de agosto para setembro o número de dívidas caiu -0,57%. Na região Centro-Oeste, a variação foi de -0,49%. 

De acordo com o relatório, o setor com queda anual mais expressiva do número de dívidas em setembro no estado foi o de Água e Luz (-37,51%), em seguida o comércio, com retração de -2,70%. 

Em relação ao número de inadimplentes, a pesquisa mostra que caiu -3,13% comparado com setembro de 2017. O dado ficou abaixo da média da região Centro-Oeste (1,01%) e abaixo da média nacional (3,86%). Como em setembro de 2017 a variação no estado foi de 4,57%, houve desaceleração anual do indicador no Mato Grosso. 

"Os números indicam que o ano de 2018 está sendo de retomada para o comércio. As lojas estão vendendo mais, porém, ainda falta muito para voltar ao que era há anos. Acredito que o pagamento do PIS/PASEP aos 395.504 beneficiários de Mato Grosso esteja contribuindo para essa queda na inadimplência", disse o superintendente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Cuiabá (CDL Cuiabá), Fábio Granja. 

Conforme os dados levantados ainda, na passagem de agosto para setembro o número de devedores do Mato Grosso caiu -0,30%. Na região Centro-Oeste, a variação foi de 0,74%, sendo que a abertura por faixa etária do devedor mostra que o número de devedores com queda anual mais expressiva no estado em setembro foi o da faixa de 18 a 24 anos (-22,72%). 

Em setembro de 2018, cada consumidor inadimplente no Mato Grosso tinha em média 2,074 dívidas em atraso. O número ficou acima da média da região Centro-Oeste (2,003) e acima da média nacional registrada no mês (1,921 dívidas). Esta média está abaixo das 2,079 dívidas verificadas no estado em agosto. 

 


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS