crédito turismo

Empreendedores do setor do turismo têm crédito emergencial em Mato Grosso

Foram disponibilizadas duas linhas especiais: Giro Emergencial e Funetur Giro. Ambas têm taxa de juros reduzida e maiores prazos de carência.
Segunda-feira 20 de Abril de 2020
MT Econômico
Empreendedores do setor do turismo têm crédito emergencial em Mato Grosso

Microempreendedores individuais, microempresas e empreendedores de hotéis, pousadas, bares e restaurantes do setor do turismo de Mato Grosso terão crédito emergencial para enfrentamento dos impactos financeiros do coronavírus na economia e nos negócios. 

Financiamento é disponibilizado pelo Governo do Estado, por meio da Agência de Fomento do Estado de Mato Grosso (Desenvolve-MT). Foram disponibilizadas duas linhas especiais: Giro Emergencial e Funetur Giro. Ambas têm taxa de juros reduzida e maiores prazos de carência. 

No caso do Giro Emergencial, o limite de crédito é de até R$ 10 mil e o prazo de financiamento é de 48 meses, inclusos a carência de 12 meses. A taxa de juros é de 1,20% a.m.

Já a Fungetur Giro tem limite de crédito de até R$ 100 mil, também com prazo de financiamento de 48 meses, incluindo carência de até 12 meses. As taxas são de 5% a.a. + INPC. 

Em ambos os casos, é necessário que a empresa comprove ao menos 12 meses de atividade. No Fungetur Giro, é preciso ter registro no Cadastro Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur). 

Leia mais: Mato Grosso tem aumento de 33,2% no fechamento de empresas e queda de 4,3% em abertura


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS