Comércio

Flexibilização do comércio e Dia das Mães reduziu desaquecimento da atividade econômica em MT

De acordo com as informações, queda no faturamento passou de 20% para 11%, se comparados os períodos de 27 de abril a 1 de maio e 4 a 8 de maio.
Sexta-feira 15 de Maio de 2020
MT Econômico
Flexibilização do comércio e Dia das Mães reduziu desaquecimento da atividade econômica em MT

No início de maio, notou-se uma leve recuperação na atividade econômica em Mato Grosso, influenciado pelo Dia das Mães. Dados foram levantados pelo Governo do Estado e divulgados nesta quarta-feira (13) no boletim especial sobre os impactos do novo coronavírus na receita estadual. 

De acordo com as informações, queda no faturamento passou de 20% para 11%, se comparados os períodos de 27 de abril a 1 de maio e 4 a 8 de maio. Nesse período o faturamento tributável total passou de R$ 1.049 bilhões para R$ 1.168 bilhões. 

Apesar da melhora, o estado ainda registra queda no faturamento na ordem de R$ 146 milhões em comparação com a média diária registrada antes da pandemia, de $ 1,314 bilhão

A arrecadação de ICMS até 11 de maio de 2020, comparada com o mesmo período do mês de abril e março de 2020, foi a de pior desempenho. Houve uma redução na arrecadação de ICMS em maio, até o dia 11, de 3,5% comparado com abril, até o dia 11. E uma redução de 23,5% comparado com março, até o dia 11.

Ainda assim, flexibilização do funcionamento de alguns setores reduziu o ritmo de desaquecimento da atividade econômica. Resultado é decorrente da recuperação econômica do comércio varejista, como as lojas de departamento, artigos de uso pessoal e doméstico, além dos artigos pessoais e acessórios.

Leia mais: Comércio de Várzea Grande é o que mais desrespeita decreto que impõe uso de máscara


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS