HISTÓRIA DO CLEARSALE

De ex-atleta olímpico para o mundo dos computadores

Este empreendedor se destaca por ter tido uma ideia inovadora
Sexta-feira 08 de Fevereiro de 2019
Redação
De ex-atleta olímpico para o mundo dos computadores

O criador da Clearsale, software direcionado na fiscalização digital, Pedro Chiamulera, tem uma história de vencedor. Ingressou a sua carreira como atleta Olímpico na categoria de atletismo, representando o Brasil em duas Olimpíadas.  

Depois de abandonar o esporte, encontrou o estudioso Bernardo Lustosa, que o ajudou a criar a empresa ClearSale, focada na área de fiscalização digital.

Este empreendedor se destaca por ter tido uma ideia inovadora, desenvolvendo um software para captar fraudes em gestões das grandes empresas do setor varejista.

No esporte existe o desafio de treinar e levantar cedo. O atleta tem que tirar gosto disso. Pedro compara o esporte ao empreendedorismo e destaca três fatores importantes: integridade, prazer no fazer e resiliência no objetivo. “A coisa maior que aprendi como atleta é que o inconsciente trabalha para você, trabalha a favor e contra.  E que bom que a gente tem esse poder.”

A equipe também é fator de sucesso no esporte. E Pedro reconhece: “No atletismo só consegui a vitória quando minha esposa montou um time e através desse time eu fiz o melhor tempo nas olimpíadas de Atlanta.  Foi minha grande superação. E então aprendi que o esforço é individual, mas a vitória é coletiva.”

Aos 33 anos ele parou de correr, ficou um ano trabalhando como programador. Teve dois grandes projetos, um na C&A e outro no Submarino. Sempre manteve o gosto por fazer e isso gerou muita confiança da equipe do Submarino.

Um dia, numa festa, Pedro conheceu a pessoa que fazia a gestão do software que ele tinha desenvolvido. Foi o Day 1 da ClearSale. A oportunidade de fazer um software anti-fraude. Fez uma proposta durante toda a noite que foi aceita rapidamente. Ele tinha só o papel e a ideia,  em uma semana teve que contratar pessoas e tecnologia, mas  conseguiu entregar o software. Pensou que ficaria rico, mas veio a bolha e a internet parou.

Foram tempos difíceis. O empreendedor sem conhecimento de gestão só pensava em vender e vender. Durante cinco anos surgiram  outras oportunidades, mas junto veio um novo desafio. Aconteceu  um novo boom no mercado e em uma equipe de 25 pessoas  todos foram embora. Restaram dois estagiários. Eles fizeram um acordo de transparência e se comprometeram a entregar os softwares prometidos. Foi um novo Day1, quase um Day zero da ClearSale.

Havia grandes oportunidades de mercado, mas ainda assim a empresa quebrou.  E Pedro resolveu encontrar um novo significado de vida. Tirava 1 hora por semana para conversar com as pessoas:  “foi lindo porque aquela dinâmica que eu fazia para as pessoas na verdade era para mim mesmo, para ter o sentido de chegar no dia seguinte e trabalhar.”  Foi quando chegou na empresa uma alma gêmea. Bernardo vinha de uma empresa grande e trabalhava com modelos estatísticos. Formaram uma nova equipe, que fez uma revolução na empresa. Juntos criaram um modelo de mercado, mais que um software,  uma plataforma anti-fraude: o T-Clear Sale. E então os resultados vieram rapidamente.

Acompanhe no MT Econômico mais histórias de empreendedorismo. Em Mato Grosso existem muitas oportunidades de investimento. Inspire-se e invista neste estado promissor.

Clique aqui para conhecer mais histórias de empreendedores de sucesso e ideias inovadoras.


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS