HISTÓRIA DA INFOSYS

Narayana Murthy um engenheiro de esquerda que se tornou capitalista e é um dos fundadores da Infosys

A sua lição mais importante: uma organização que começa do zero deve desenvolver-se a partir de um núcleo de pessoas com um sistema de valores bem presente
Sexta-feira 22 de Fevereiro de 2019
Redação
Narayana Murthy um engenheiro de esquerda que se tornou capitalista e é um dos fundadores da Infosys
Foto: Reprodução

A história da empresa Infosys começa em 1974 quando o engenheiro de esquerda Narayana Murthy de 28 anos retornava da França para sua casa, na Índia. Durante sua viagem de trem, iniciou uma conversa com um dos passageiros “sobre as agruras de viver em um país da Cortina de Ferro”. 

E do nada alguns policiais que pensavam que estavam criticando o governo comunista da Bulgária arrastaram  Murthy para fora do trem e o prenderam por 72 horas numa sala, sem comida ou água, e depois jogado em outro trem rumo a Istambul. 

O tratamento que recebeu fez Murthy esquecer qualquer afinidade com a esquerda e acabaria ajudando a torná-lo um dos capitalistas mais bem sucedidas do mundo. Se era para ele ser um reformador, que fosse através de um sistema rejeitado pelos comunistas. 

Murthy provou que a Índia pode competir com o resto do mundo ao se dedicar ao desenvolvimento de software, algo tido como um trabalho de empresas ocidentais. Como um dos seis co-fundadores da Infosys e CEO durante 21 anos, Murthy ajudou a desenvolver a revolução do outsourcing, que trouxe milhões de dólares em riqueza para a economia indiana. 

A sua lição mais importante: uma organização que começa do zero deve desenvolver-se a partir de um núcleo de pessoas com um sistema de valores bem presente. “É tudo baseado no sacrífico, trabalho árduo, muita frustração, estar longe da família, na esperança de que algum dia sejamos recompensados por isso”.

Acompanhe mais histórias de sucesso que o MT Econômico traz para você semanalmente. Clique aqui e confira.

 


 


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS