OPERADOR DE DRONE

Senar MT oferece curso para pilotar Drone

Esta é uma nova opção no mercado de trabalho que está crescendo a cada dia. Ainda há muita carência de mão-de-obra.
Quarta-feira 15 de Maio de 2019
MT Econômico/Senar MT
Senar MT oferece curso para pilotar Drone
Foto: Reprodução

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) está oferecendo curso para aprender a pilotar Veículos Aéreos não Tripulados (VANT) e drones.

Esta é uma nova opção no mercado de trabalho que está crescendo a cada dia. Ainda há muita carência de mão-de-obra. Diante disso, o MT Econômico traz uma sugestão do curso do Senar-MT para você embarcar nessa nova profissão.

Mercado

Estima-se que 25% do faturamento mundial dos VANTs e Drones seja para a agricultura. Estes equipamentos têm as mais variadas funções nas mais diversas cadeias produtivas. Com isso, aumenta também a necessidade de mão de obra qualificada para operar estes equipamentos.

Regulamentação da profissão

Recentemente, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) criou regras para a utilização das aeronaves remotamente pilotadas (RPA’s), popularmente chamados de drones.

Assim como quem dirige um carro, para pilotar um drone também é preciso cumprir algumas etapas para conseguir a “carteira de motorista”. O primeiro requisito para comandar qualquer tipo de drone é que o piloto tenha mais de 18 anos.

Entre as regras que regulamentam a profissão, podemos destacar a obrigatoriedade de habilitação para os pilotos de drones de maior porte, isto é, equipamentos com mais de 25 kg.

Para equipamentos com menos de 25 kg e que forem voar acima de 400 pés (cerca de 120 metros), também é preciso emitir a licença e a habilitação.

Para conseguir essa habilitação é necessário fazer um teste de conhecimento e proficiência. Além desse documento, os pilotos precisam de um Certificado Médico Aeronáutico e registro de voo que são emitidos pela Anac.

Se você pretende se tornar um piloto de drone, é preciso saber como vai utilizar o equipamento e conhecer os detalhes da regulamentação. Assim, você pilota com tranquilidade e seguindo a lei.

Sobre o curso do Senar-MT

Com carga horária de 16 horas, o curso tem como objetivo mostrar aos participantes como se opera drone e VANT, conforme técnicas de instrução. Para se inscrever, o participante precisa apresentar uma declaração da Empresa Rural com registro de Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (ITR), ou comprovante de Contribuição Sindical ou ainda o Certificado de Cadastro do Imóvel Rural (CCIR). Em caso de produtor arrendatário, apresentar o Contrato de Arrendamento.

O conteúdo deste treinamento é bem extenso. Dentre os diversos temas abordados está o conceito de drone, definição, origem e evolução tecnológicas do equipamento VANT e boas práticas de voo. Além disso, também está em pauta assuntos como Regras da Agência Nacional de Aviação Civil (NAC) e legislação vigente.

Confira a programação abaixo. Os interessados devem procurar o Sindicato Rural de seu município para verificar se há turmas previstas e se há vagas.

PROGRAMAÇÃO – MAIO

Quarta-feira (15) -  Sorriso                                      

Quinta-feira (16) - Campo Novo do Parecis    

Segunda-feira (20) - Primavera do Leste             

Quinta-feira (23) - Chapada dos Guimarães   

Sexta-feira (24) - Santo Antônio de Leverger             

Segunda-feira (27) - Porto Alegre do Norte       

Segunda-feira (27) - Sorriso      

Quinta-feira (30) - Campo Verde                        

JUNHO               

Segunda-feira (03) - Pontes e Lacerda  

Terça-feira (04) - Campo Novo do Parecis    


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS