GASTAR MENOS

3 dicas para gastar menos no supermercado

No dia a dia, talvez você não tenha o costume de comprar no atacado, mas as vantagens são incontestáveis
04-08-2018
Fonte: Redação
Foto: Reprodução

Quando vamos ao supermercado sabemos que encher o carrinho é muito fácil, mas para não ser surpreendido na hora de pagar a conta, é preciso tomar alguns cuidados. O MT Econômico listou 3 dicas para você gastar menos no mercado.

1. Faça uma lista de compras

Fazer uma lista antes de ir ao mercado evita que itens desnecessários sejam adquiridos. Além disso, a lista reduz os impulsos consumistas e ajuda a economizar tempo.

Quando colocar os itens no papel, olhe a geladeira, os armários e a dispensa. Faça as contas do quanto cada pessoa consome por dia, para conseguir estabelecer as quantidades ideais de cada produto. Não se esqueça de estipular um valor máximo que deseja gastar e basear-se nele para escolher os itens necessários.

2. Compare os preços

Essa é a regra básica para qualquer economia. Comparar os valores do mesmo produto em diversos estabelecimentos pode garantir que você não desperdice dinheiro e ainda encontre uma promoção relâmpago em algum deles. O ideal é visitar pessoalmente os supermercados e conferir os preços dos itens que você costuma comprar. Fazer a comparação por encartes promocionais impressos e pelo site também funciona bem. Há até aplicativos de comparação de preços entre os concorrentes.

Vale lembrar que, se você seguiu o primeiro passo e fez a sua listinha, ao pesquisar os preços, consegue estabelecer aproximadamente o valor total da compra. Assim, se achar que está extrapolando o quanto gostaria de pagar, consegue fazer uma análise do que colocou no papel e excluir aquilo que não for tão necessário.

3. Compre no atacado

No dia a dia, talvez você não tenha o costume de comprar no atacado, mas as vantagens são incontestáveis, já que a economia costuma variar entre 15% e 20% quando os itens são comprados em maior quantidade. Caso você adote essa prática, é importante escolher um bom atacadista e ficar atento aos preços para não comprar gato por lebre.

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS

CADASTRE-SE PARA RECEBER NOTÍCIAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS



FINANÇAS PESSOAIS