Indústria MT

Confiança da indústria de MT registra queda histórica durante pandemia de Covid-19

Em todos os portes, a queda da atividade industrial neste mês ultrapassou os 20 pontos
Quinta-feira 30 de Abril de 2020
Fiemt
Confiança da indústria de MT registra queda histórica durante pandemia de Covid-19

Pesquisa realizada pela Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso (Fiemt) revela que a confiança da indústria teve queda recorde de 23,9 pontos entre março e abril, durante a pandemia de Covid-19, ao atingir 39,6 pontos. É a maior retração do indicador em relação ao mês anterior de toda a série histórica, iniciada em 2012. Esse resultado só não é mais baixo do que os registrados durante a crise econômica de 2015 e 2016.

A falta de confiança atingiu todo o setor. As indústrias da construção marcaram 30,8 pontos ao retrair 34,2 pontos. Com redução um pouco menos acentuada, as indústrias extrativas e de transformação registraram 41,6 pontos - queda de 21,5 pontos em comparação ao mês anterior.  De acordo com o levantamento, as medidas adotadas no combate ao coronavírus tiveram como consequência a diminuição da demanda e maior dificuldade na aquisição de insumos, capital de giro e interrupção de investimentos.

“A crise já impactou profundamente o setor produtivo do estado. É necessário retomar a atividade industrial, com a garantia de um ambiente de trabalho seguro, e temos atuado para isso. Em contrapartida, para amenizar os efeitos destes impactos, são necessárias medidas para garantir a sobrevida dessas empresas, principalmente das micro e pequenas. E essas ações devem ser o mais célere possível para evitar um agravamento também da crise social e econômica”, avalia o presidente do Sistema Fiemt, Gustavo de Oliveira.

Atividade por porte – Em todos os portes, a queda da atividade industrial neste mês ultrapassou os 20 pontos. A indústria de pequeno porte caiu 24,1 pontos em abril ao registrar 41,8 pontos. As médias e grandes atingiram 38,6 pontos, retração de 23,9 pontos em comparação a março.

Expectativas pessimistas – O Índice de Condições Atuais da indústria mato-grossense, em relação aos últimos seis meses, caiu de 56,6 para 38,3 pontos. Para os próximos seis meses, as expectativas dos empresários industriais no estado caíram 26,8 pontos em relação a março ao alcançar 40,2 pontos.

Acesse a pesquisa.  


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS