Setor automotivo MT

Opinião: Mercado do automóvel usado em 2020

Os números de emplacamento de seminovos e usados registraram a comercialização de 28.841 automóveis usados em janeiro
Segunda-feira 10 de Fevereiro de 2020
Ricardo Laub
Opinião: Mercado do automóvel usado em 2020

Naturalmente, para o setor de veículos automotores no Brasil e Mato Grosso, o mercado se inicia tranquilo. Todo início de ano, sabemos, por ser início, deve-se olhá-lo com toda cautela, principalmente com relação às expectativas que geramos sobre a comercialização de veículos como um todo.

Apesar do governo federal ainda se encontrar sob a complexa trama de insegurança gerada por uma evidente falta de posicionamento econômico, quando se trata de dar estabilidade através de políticas claras de desenvolvimento econômico, e por muito disque que disque e fake News, que não nos vem ao caso fazer comentários, mas que não deixam de ser negativamente impactantes para todo os setores produtivos. Ainda que tenhamos esses problemas, o setor de revendedor de veículos novos e usados vem se formando positivamente.

A Fenabrave - Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores, que reúne 51 Associações de Marca de automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus, implementos rodoviários, motocicletas, tratores e máquinas agrícolas apresentou seus resultados de vendas em janeiro, destacando a comercialização de 298.417 veículos no Brasil, sendo 184.125 automóveis, 9.339 caminhões e ônibus e 91.689 motocicletas, tendo em decorrência uma queda de 28,16% em relação a dezembro de 2019 e de 5,62% se comparado a janeiro de 2019. 

Já em Mato Grosso, foram vendidos em janeiro 8.129 veículos novos, sendo 3.797 automóveis, 338 caminhões e ônibus e 3290 motocicletas zero km. 

Esse movimento registrou também queda na venda de automóveis de 25,31% em relação a dezembro de 2019 e de 1,15% se comparado a janeiro de 2019. 

Essa trajetória percentual é normal, enfim, janeiro é o mês subsequente ao mês festivo do natal, e como de costume, registra números negativos em relação a dezembro, porém, deve-se estar atento para a comparação entre os janeiros (2020 e 2019), que registrou declínio nas vendas, muito porque o mercado do setor de venda de veículos novos, em 2019 cresceu no Brasil, consideráveis 8,7%, o melhor desempenho nos últimos 5 anos.

No que diz respeito a expectativa, apesar das incertezas de um país tão complexo na sua política econômica, acreditamos o ano seja de crescimento dos números novamente. O ano de 2020 já aponta ser um excelente ano para os carros zero km, ao vermos o grande investimento em lançamentos de novos modelos como o novo Onix e o HB20, campeões de venda, as chegadas dos novos Chevrolet Tracker, Ford Territory e Renault Duster e novidades de peso, como as novas gerações do Honda Fit e da Fiat Strada. Um ano cheio de surpresas boas para os consumidores.

Quando se trata de veículos seminovos e usados, a Federação Nacional das Associações de Revendedores de Veículos Automotores (Fenauto) apresentou, no início da 1º semana de fevereiro de 2020, seu relatório sobre o comportamento do segmento de automóveis seminovos e usados no mês de janeiro. 

Novamente, nos surpreende, o setor de usados em Mato Grosso, ao vir se destacando ante o mercado de vendas de veículos como um todo, com oscilação positiva em comparação com o mês de dezembro de 2019, as vendas cresceram em janeiro o percentual de 1,2%. 

Pode parecer pouco, mas não é fácil vencer dezembro, porém isso aconteceu em Mato Grosso. Mesmo quando comparados os crescimentos entre janeiros de 2019 e 2020, houve grata notícia de 3,6% de aumento das vendas de automóveis usados. 

Podemos dizer que esta notícia é alvissareira, colocando o setor de usados como um dos setores do Estado que mais cresce nestes últimos 5 anos.

Na verdade, comprar um carro usado, é sim um grande negócio, ainda mais em Mato Grosso que tem hoje uma frota de 2.191.104[1] veículos rodando pelas ruas e estradas de Mato Grosso. Carros em ótimas condições de uso, que são uma grande oportunidade de negócio. que cresce de maneira diferenciada de outras regiões do Brasil. Prestar atenção à variação dos níveis de confiança do consumidor para a aquisição de veículos usados tem nos dado essa perspectiva de aumento da credibilidade, por parte do consumidor em relação a busca por um seminovo.

Em Mato Grosso, segundo dados enviados pela AGENCIAUTO/MT – Associação dos Revendedores de Veículos do Estado de Mato Grosso, os números de emplacamento de seminovos e usados registraram a comercialização de 28.841 automóveis usados em janeiro. 

Para que se tenha uma noção de diferença e de potencial, se olharmos para a região Centro-Oeste, Mato Grosso do Sul (2.778 milhões hab.) comercializou 12.837 usados no mesmo período, e o Distrito federal (3.015 milhões hab.) 16.448.

Somente Goiás que teve um resultado, assim como o nosso, muito expressivo, com a venda de 45.794 carros. Há de se lembrar que Goiás (7.018 milhões hab.) tem o dobro da população de Mato Grosso (3.484 milhões hab.), dados que deixam claro o potencial do setor em terras mato-grossenses.

Como bem sabemos, fevereiro é de se esperar uma queda nos números, explicado pela ocorrência de poucos dias úteis, a questão dos dias parados pelo feriado de carnaval e ainda sem dúvida, a chegada das dívidas contraídas pelas festas de fim de ano e das férias que se aproveitadas. 

Repetindo, Mato Grosso, como vemos cresce acima da média nacional. O cenário é promissor para o ano 2020, tanto para o carro zero km como para o usado, devemos terminar o primeiro semestre de 2020, em Mato Grosso, com um crescimento projetado acimas do crescimento do PIB. Não sonhamos, senão sob a base solida de uma realidade vivida. Setor de automóveis em Mato Grosso é sinônimo de sucesso e crescimento. Que venha mais e mais emprego, renda e estabilidade.

[1] Dados extraídos do Site do DETRAN/MT 

Coluna Especial MT Econômico - Setor Automotivo

Colunista MT Econômico: Ricardo J. J. Laub Jr.

Historiador e Empreendedor graduado no Curso de Licenciatura Plena em História na UFMT- Universidade Federal de Mato Grosso e em EMPREENDEDORISMO (2005) pelas Faculdades ICE. Com Mestrado em História Contemporânea pela UFMT/PPGHIS. MBA - Master in Business Administration em Gestão de Pessoas, MBA - Master in Business Administration em Gestão Empresarial e MBA - Master in Business Administration em Gestão de Marketing e Negócios. Professor na faculdade, Estácio de Sá - MT, Invest - Instituto de educação superior. Presidente da AGENCIAUTO/MT- Associação do Revendedores de Veículos do Estado de Mato Grosso, com larga experiência profissional na elaboração de planos de negócio voltados para o ramo automobilístico, gerenciamento comercial, administrativo, controle de estoque, avaliação de veículos, processos operacionais e estratégicos para empresas do setor automotivo e gestão de pessoas no âmbito organizacional.


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS