Várzea Grande

Com fim da quarentena em Várzea Grande, prefeito Kalil flexibiliza funcionamento do shopping e comércio local, mas com restrições

Segundo apurado pelo MT Econômico, o artigo 5º do Decreto regulamenta que o “shopping center manterá o atendimento em 50% (cinquenta por cento) de sua capacidade"
Terça-feira 06 de Abril de 2021
Redação MT Econômico
Com fim da quarentena em Várzea Grande, prefeito Kalil flexibiliza funcionamento do shopping e comércio local, mas com restrições

A quarentena de 10 dias aderida pelo município de Várzea Grande encerrou ontem (5). O prefeito Kalil Baracat (MDB) editou um novo decreto 41/2021 e flexibilizou a abertura do comércio na cidade a partir desta terça (6), com restrições de horários.

Devido à classificação de risco de contágio “muito alta” estabelecida pelo governo estadual, de 50 cidades em Mato Grosso, incluindo Várzea Grande, o prefeito não questionou e cumpriu a determinação visando conter o avanço da pandemia.

Leia também: Atacadistas reforçam que não faltará alimentos nos supermercados de Mato Grosso

Segundo apurado pelo MT Econômico, o artigo 5º do Decreto regulamenta que o “shopping center manterá o atendimento em 50% (cinquenta por cento) de sua capacidade, com horário de atendimento ao público de segunda-feira a sexta-feira, das 08:00 horas às 20:00 horas, e ao sábado e domingo das 08:00 horas às 12:00 horas, sendo que a praça de alimentação poderá funcionar no sábado e no domingo até às 14:00, podendo realizar delivery até às 23:59 horas em todos os dias, devendo ainda ser observadas todas as medidas de prevenção e combate à disseminação do novo coronavírus, incluindo, métodos para evitar a circulação de pessoas que pertencem ao grupo de risco, conforme definido pelo Ministério da Saúde”

Apesar do shopping abrir, o artigo 6º mantém os cinemas e teatros sem funcionamento.

Segundo a secretaria de Saúde de Várzea Grande, houve uma estabilização do número de infectados na cidade.

Clique no botão vermelho abaixo e veja o decreto na íntegra






COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS