fbpx
FCO injetará R$ 419 milhões em Mato Grosso e deve gerar mais de 2 mil postos de trabalho

O Fundo Constitucional de Financiamento do Centro Oeste (FCO) vai liberar investimentos na ordem de R$ 419 milhões para empresários e produtores rurais de Mato Grosso, em linhas de crédito. A estimativa é de que os recursos abram mais de 2.100 mil empregos, diretos e indiretos.

Os recursos foram aprovados na última quarta-feira (15), durante a 8ª reunião do Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso (Codem), composto pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso (Sedec/MT) e parceiros.

Ao todo foram aprovadas 108 cartas-consulta e efetuadas cinco revalidações de contrato. Quanto ao FCO Rural foram validados 95 projetos para o setor, que somaram mais de R$ 273 milhões de crédito, que vão gerar 899 empregos diretos e indiretos.

O FCO Empresarial teve 13 projetos deferidos e terá recursos liberados na ordem de R$ 146,2 milhões, o que irá resultar 1.193 empregos diretos e indiretos, no Estado. Dentre os contemplados pelo programa estão pequenos produtores, com seis projetos aprovados, pequenos e médios produtores, com cinco cartas liberadas, médio produtor, com uma e grande produtor com uma carta.

As linhas de crédito, de acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico e presidente do Codem, César Miranda, têm feito a economia estadual girar e garantido a abertura de muitos novos postos de trabalho.

“O FCO tem sido uma referência de financiamento para os empresários e produtores rurais de Mato Grosso, que têm acreditado nesse Estado e buscado meios para investir e, na maioria das vezes, ampliar seu negócio, garantindo assim, o aumento do número de vagas de emprego e a economia em crescimento que temos hoje. Somos exemplo para outros entes da federação em desenvolvimento, apesar dos impactos da pandemia”, justifica.

BALANÇO – Conforme dados do Caderno do FCO, até 31 de julho deste ano foram efetuadas 2.680 operações, em 132 municípios mato-grossenses, ou seja, 93,6% das cidades do Estado foram beneficiadas com as contratações. O saldo financiado até o fim de julho foi de R$ 1,9 bilhão.

Leia também: Com 95 projetos aprovados, FCO libera investimentos de R$ 402 milhões para MT

Tagged: , , , , , , ,