PIB do Brasil em 2020 pode ter maior retração em 58 anos

A previsão de crescimento para a economia brasileira é negativa em 2020. Os efeitos do coronavírus não apenas na saúde, mas principalmente na economia derrubaram a atividade econômica em diversos segmentos.

O Banco Mundial estima queda de 5% no Produto Interno Bruto (PIB) do país este ano. A previsão foi publicada neste domingo (12) no relatório “A economia nos tempos da Covid-19” que estuda a situação da América Latina e do Caribe na crise causada pela pandemia do coronavírus.

Caso a previsão do Banco Mundial se confirme será a maior retração em 58 anos, com base na série histórica do Banco Central, que foi iniciada em 1962. 

O mercado financeiro já é um pouco mais otimista, prevendo um Produto Interno Bruto (PIB) de -1,96%, anteriormente, já no cenário de coronavírus, era de -1,18%.

Confira os demais indicadores para 2020, segundo a última projeção do mercado financeiro apurada pelo MT Econômico:

Dólar: previsão de fechar este ano em R$ 4,60.

Inflação: previsão de fechar este ano em 2,52%

Selic: previsão de fechar este ano em 3,25%

Leia mais: Fluxo comercial entre países pode cair cerca de 30% com coronavírus

%d blogueiros gostam disto: