Vacina Solidária viraliza na internet e atinge marca de 1 tonelada de alimentos arrecadados

A campanha Vacina Solidária, idealizada pela primeira-dama Márcia Pinheiro e executada pela Prefeitura de Cuiabá, completa quase um mês com grande repercussão nas redes sociais, alcançado a marca de 1 tonelada de alimentos arrecadados até o momento. A ação já é replicada no município de Chapada dos Guimarães.

A primeira-dama Márcia Pinheiro enfatiza o envolvimento popular e o grande apelo que a internet vem dando nas arrecadações. “Quando falamos de ajuda, doação e solidariedade ninguém melhor que o cuiabano para atender e ajudar as pessoas que precisam. Nessa campanha, em especial, muitas pessoas estão postando, divulgando e ajudando a espalhar a informação para que isso se transforme e alimento e ajude pessoas que tanto precisam neste momento de pandemia”, disse a primeira-dama de Cuiabá.

A arrecadação de 1 kg de alimentos não perecíveis está sendo feita nos postos de vacinação contra a COVID-19, coordenados pela Prefeitura de Cuiabá. São eles: Centro de Eventos do Pantanal, Sesi Papa (Morada do Ouro), Sesc Balneário e Universidade Federal de Mato Grosso e o mais recentemente, o estacionamento da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT).

“Já conseguimos mais de 1 tonelada de alimentos e pedimos àqueles que podem doar que levem arroz, feijão ou uma lata de óleo aos postos de arrecadação, vai fazer a diferença. A campanha não acarreta nenhum prejuízo a vacinação, a doação é voluntária. É um pedido de ajuda e solidariedade as pessoas que perderam seus empregos, sua renda familiar e estão com dificuldade econômicas”, explicou Márcia Pinheiro.

A previsão é de que a entrega dos alimentos seja iniciada na primeira semana de maio às famílias em vulnerabilidade social mapeadas pela Secretaria de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoas com Difidência, em conjunto com a Secretaria da Mulher e o Núcleo de Apoio à Primeira-dama.

Leia mais: LBV beneficia idosos em situação de insegurança alimentar em Cuiabá