VAGA DE SELMA

Blairo diz que pretende continuar fora da política em caso de cassação de Selma

A ação corre em segredo de Justiça e o relator é o desembargador Pedro Sakamoto
Terça-feira 09 de Abril de 2019
Redação
Blairo diz que pretende continuar fora da política em caso de cassação de Selma

Com toda essa expectativa no meio político referente a uma possível cassação da senadora Selma Arruda do PSOL, o ex-ministro da Agricultura e ex-governador de Mato Grosso, Blairo Maggi, emitiu um comunicado, na última sexta-feira (06), afirmando que não tem interesse em disputar uma vaga no Senado.

“Quero reafirmar minha disposição em não participar de qualquer disputa política para cargo público. Tenho certeza do serviço prestado à Mato Grosso, ao agronegócio, ao Brasil.  Agradeço as oportunidades que tive e, longe das eleições, continuarei contribuindo com meu estado na condição de cidadão, produtor e empresário”, afirmou Blairo, por meio de nota divulgada à imprensa.

A ação contra a senadora Selma Arruda ocorre em segredo de Justiça e o relator é o desembargador Pedro Sakamoto. Selma é acusada de praticar caixa 2 e abuso de poder econômico no período de pré-campanha das eleições de 2018, por ter contratado uma agência de publicidade por R$ 1,8 milhão.

O processo, movido pelo Ministério Público Eleitoral, tem mais de 2 mil laudas. Se Selma for cassada, Mato Grosso deve ter eleição suplementar para a vaga ao Senado porque o pedido de cassação também atinge os dois suplentes.

 


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS