PARCELA DE DÍVIDA

Governo adia pagamento de parcela do Bank of America

Governo adia pagamento, que deveria ser feito no dia 10, por 30 dias, esperando resposta do banco sobre renegociação 
Quinta-feira 14 de Março de 2019
Redação
Governo adia pagamento de parcela do Bank of America
Foto: Reprodução

Na tentativa de renegociar a dívida total com o Bank of America, o governo do estado adiou a parcela de R$ 140 milhões que tinha que ter pago no último dia 10 de março por mais 30 dias. Conforme a Secretaria de Fazenda há uma cláusula que permite esse atraso.

Enquanto isso, o governador Mauro Mendes espera a resposta do Banco Mundial que se der certo, a divida deixa de ser do  Bank of America, e passa para o Banco Mundial com alongamento da dívida e redução no valor das parcelas. 

A dívida atual, que vence em 2022, seria alongada por mais 20 anos e Mato Grosso deixaria de desembolsar US$ 70 milhões ao ano, para pagar R$ 12 milhões por ano. “Os juros são menores e prazos alongados com o Banco Mundial”, disse Rogério Gallo da Sefaz.

“Com o Banco Mundial já é certo. O que queremos fazer é, ao invés de só pegar a parcela a partir de setembro pra frente - o que daria 8 parcelas -, nós pegaríamos 9 parcelas, incluindo aí essa de março. Esse é nosso pleito com o banco americano. E isso que ele está avaliando”, concluiu. 

A dívida foi contraída ainda na gestão do ex-governador Silval Barbosa. Anualmente, são pagas duas parcelas anuais - nos meses de março e setembro. O governador Mauro Mendes tenta jogar o pagamento das duas parcelas para setembro, quando, em tese, o Estado já terá adquirido maior fôlego financeiro.
 


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS